Conheça as metodologias utilizadas nos cursos do Fapuga

Sabemos que escolher o curso de graduação já é difícil, afinal, escolher a profissão que vai te ajudar a construir uma carreira é de grande importância. O que nem todos os vestibulandos sabem, no entanto, é que na hora de decidir a melhor universidade é preciso se atentar a mais do que apenas a matriz […]
metodologias

Sabemos que escolher o curso de graduação já é difícil, afinal, escolher a profissão que vai te ajudar a construir uma carreira é de grande importância.

O que nem todos os vestibulandos sabem, no entanto, é que na hora de decidir a melhor universidade é preciso se atentar a mais do que apenas a matriz curricular, estrutura das salas ou o corpo docente (não que isso não seja igualmente relevante). Contudo, é preciso analisar, também, a metodologia de estudos que será utilizada para passar e fixar o conteúdo das matérias. 

A Faculdade Fapuga, além de oferecer mentoria e tutoria personalizadas, professores qualificados, microcertificados e currículo flexível, utiliza metodologias inovadoras, de modo que você pode trabalhar situações do cotidiano profissional. 

Metodologias

Problem-based learning

Em português essa metodologia é conhecida como “aprendizagem baseada em problemas” ou ABP. Nessa metodologia, o espectador deixa de ser apenas o receptor da informação e participa ativamente do processo de aprendizagem. Isso porque o conteúdo é apresentado na forma de um problema que precisa ser resolvido. 

Em outras palavras, os alunos recebem um problema e devem buscar as informações e os recursos necessários para resolvê-lo apropriadamente. 

Como funciona?

Geralmente, acontece da seguinte forma: são separados grupos com, no máximo, doze pessoas. Assim que os problemas são apresentados, os grupos debatem sobre eles, buscam informações adicionais e formulam hipóteses que possam resolver os desafios propostos. 

Durante esse processo, são realizadas várias sessões de uma a duas horas de duração, em que cada etapa é apresentada. Tudo isso pelo período de, aproximadamente,  uma semana. 

Team-based learning

Outro método adotado pelas Faculdades Fapuga é a “aprendizagem baseada em equipes”. Consiste, basicamente, em favorecer o aprendizado de forma ativa ao construir um ambiente cooperativo. 

Assim, os estudantes são organizados em grupos e passam a aprimorar e exercitar suas habilidades de comunicação, argumentação e debate para que possam se encaminhar em direção a uma personalidade profissional com mais autonomia e maturidade. 

Além da melhora nos trabalhos em equipe, esse processo traz benefícios como o aumento da proatividade, mais colaboração entre os integrantes e mais pensamento crítico. 

Como funciona?

A metodologia envolve algumas etapas que começam logo na formação dos grupos e perduram até o fim da disciplina. 

A primeira etapa é a preparação do estudante para a atividade em grupo que está por vir. Ou seja, ele deve estudar o conteúdo previamente em casa para que possam contribuir com o trabalho em equipe. Isso faz com que surja um incentivo social mais efetivo, já que se o aluno não se comprometer com a sua parte vai acabar prejudicando seus colegas de grupo.

Por sua vez, a segunda etapa é formada pelas avaliações tanto individuais quanto em grupo, sobre os assuntos estudados durante a primeira etapa, debatendo entre si sobre o motivo de escolher cada resposta. 

Já na terceira etapa, os alunos se reúnem com suas equipes para aplicar os conhecimentos que adquiriram nas fases anteriores para resolver um problema que esteja presente no cotidiano. 

Game-based learning

Em português esse método é chamado de “aprendizado baseado em jogos”. Em suma, ele consiste na utilização e na criação de jogos, geralmente digitais, para finalidades didáticas.

Ainda que tenham caráter didático, esses jogos não perdem sua essência desafiadora, despertando o interesse e a curiosidade dos alunos. A metodologia é benéfica pois estimula a  concentração e a criatividade, além de promover um ambiente com competição saudável.

Como funciona?

Os jogos escolhidos são educacionais e propõem uma ou mais situações problemáticas que precisam ser trabalhadas e resolvidas por seus participantes. Normalmente, são divididos em níveis com diferentes dificuldades que, ao serem terminadas, recompensam os jogadores. 

Alguns exemplos de jogos utilizados nessa modalidade são jogos de perguntas e respostas e jogos de tabuleiro ou cartas, que visam complementar a grade curricular, reforçar um conteúdo trabalhado anteriormente ou ensinar algo novo que faça parte da matéria estudada. 

Gamificação

A primeira vista a gamificação pode ser facilmente confundida com o método game-based learning, contudo, a diferença entre esses dois métodos se encontra no modo como os elementos dos jogos são integrados à experiência de aprendizagem. 

Enquanto o método game-based learning busca dar aos estudantes um tipo de experiência de aprendizagem ativa dentro de uma estrutura de jogo com objetivos de aprendizagem específicos e resultados mensuráveis; a gamificação é o processo de adicionar elementos ou mecanismos do jogo a uma experiência para aumentar o envolvimento ou a diversão.

Resumidamente, a gamificação é uma maneira de usar elementos comuns dos jogos em situações que não se limitam apenas ao entretenimento e a diversão, de modo a trazer características dos jogos para situações reais e rotineiras. 

Dessa forma, a lógica e a metodologia dos games é utilizada para outros propósitos, tornando conteúdos complexos mais acessíveis e, consequentemente, mais fáceis de se aprender. 

Como funciona?

Nessa metodologia, elementos característicos presentes em qualquer jogo como, por exemplo, ranking e/ou sistemas de pontuação, objetivos a serem alcançados e recompensas ao fim de cada missão, são usadas como forma de promover e motivar os alunos a realizar determinadas ações. 

Mentoria de carreira

A mentoria de carreira é exatamente o que parece ser: um processo que tem como objetivo ajudar o aluno a tomar uma direção na sua vida profissional por meio de estratégias, aprendizados e ações para que o mesmo consiga alcançar seus objetivos. 

Esse processo, contudo, é feito com a ajuda de um mentor, com vasta experiência na área, que vai ajudar a guiar os alunos por toda essa jornada. 

Como funciona?

Existem diversas formas de mentoria, contudo, falaremos de duas das principais formas de mentoria: a primeira é realizada por um profissional que orienta e oferece suporte para o desenvolvimento profissional do aluno. Já a segunda forma é por meio de um programa personalizado e individualizado que é discutido entre o mentor e o mentorado em encontros virtuais ou presenciais. 

Práticas supervisionadas para estágio

O estágio supervisionado é aquele momento do curso de graduação que possibilita que o aluno coloque em prática tudo aquilo que aprendeu nas aulas teóricas da graduação. A prática é essencial, visto que ela proporciona uma vivência da profissão, de modo que você adquire experiência e desenvolve suas habilidades.

Como funciona?

Nas Faculdades Fapuga, são estabelecidas parcerias para a realização de atividades práticas e estágio desde o primeiro semestre até o final da sua graduação conosco. O foco é o crescimento pessoal e profissional dos alunos.

E, aí? O que achou das metodologias aplicadas pelas Faculdades Fapuga? Quais delas você já conhecia?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Se você deseja mudar o seu estilo de vida, está em busca de mais qualidade e novos sonhos, a Fapuga pode ajudá-lo a começar algo novo este ano.

© 2022 TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - TERMOS DE PRIVACIDADE                        Feito pelo Grupo Puga&Nunes ❤